Cotado no Atlético, Cuca comenta possibilidade de voltar à Cidade do Galo

Técnico deixou Palmeiras em outubro e, desde então, curte a família.

Rodrigo Clemente/EM/D.A Press

Sem clube desde outubro, quando chegou a um acordo com o Palmeiras para romper o vínculo que ia até dezembro de 2018, o técnico Cuca, de 54 anos, é um dos nomes fortes para suceder Oswaldo de Oliveira no Atlético. Muito identificado com o Galo pela conquista da Copa Libertadores em 2013 e do bicampeonato mineiro em 2012 e 2013, o paranaense é o preferido dos torcedores, como confirmam os resultados de várias enquetes. Mas quais são os planos de Cuca? Em contato com o Superesportes nesta sexta-feira à noite, durante uma reunião familiar, ele se posicionou sobre a possibilidade de voltar à Cidade do Galo.

 
Você foi procurado pelo Atlético?
Não. Não mesmo.
O jornalista Paulo Vinícius Coelho (PVC) chegou a publicar em um blog que você não aceitará nenhuma proposta no primeiro semestre, por ter planos de ir à Copa da Rússia. Você confirma ter esses planos?
Não conversei com o PVC. Não sei (se vou à Rússia). Nem sei se vou estar vivo até lá (risos). Falta muito tempo para a Copa ainda. Não tenho planos ainda. Estou curtindo minha família, coisa que nunca pude fazer na minha vida como agora. Estou aqui com minha netinha, está uma delícia.
Você aceitaria assumir um time agora? Seja o Atlético ou outro clube brasileiro?
Não quero falar nada sobre isso daí agora. Tudo que estão falando sobre mim é especulação. Não quero falar sobre qualquer possibilidade.
Mas a torcida do Atlético está esperançosa pela sua volta. 
Eu gosto muito daí, mas não tem nada.
O que diria ao torcedor do Atlético? 
(Risos) Quem tem que falar com o torcedor do Atlético agora é o presidente, é o diretor que está aí. Não posso dizer nada ao torcedor do Atlético nesse momento.

Diretoria

Na manhã desta sexta-feira, durante entrevista coletiva que selou a saída de Oswaldo de Oliveira do Atlético, o diretor de futebol Alexandre Gallo projetou a contratação do novo comandante até terça-feira, dia 13. Ao ser indagado se o clube tinha interesse em Cuca e também Abel Braga, hoje no Fluminense, ele foi diplomático.
”São dois grandes nomes. São nomes vencedores no futebol brasileiro. O Atlético, hoje, é um gigante do futebol brasileiro e pensa grande. Nós pensamos em conquista este ano. Nem por isso a saída do Oswaldo não o credencia como um grande treinador que é, que estava aqui até agora. São dois bons nomes, como hoje o mercado nos oferece. Dentro dessa ciranda toda, agora estamos começamos a tomar pé. Vamos tentar resolver o mais rápido possível”, declarou Gallo.

Histórico

A passagem de Cuca pelo Atlético foi de agosto de 2011 a dezembro de 2013. Ele assumiu o time num momento difícil no Campeonato Brasileiro, acumulou seis derrotas em seus primeiros jogos no comando, mas conseguiu evitar o rebaixamento. O Galo terminou a Série A na 15ª colocação e abalado pela derrota por 6 a 1 para o Cruzeiro na última rodada.
Em 2012, ele teve a oportunidade de iniciar o trabalho e remontou o elenco. Cuca conquistou o Campeonato Mineiro e foi vice-campeão brasileiro, já contando com peças importantes como Victor, Marcos Rocha, Bernard, Jô e Ronaldinho Gaúcho. Em 2013, com a volta de Diego Tardelli do Catar, o time ficou ainda mais forte e conquistou a inédita Copa Libertadores, além do bi Mineiro. A grande frustração ficou por conta do Mundial de Clubes, com a eliminação nas semifinais diante do Raja Casablanca (3 a 1) e a impossibilidade de disputar o título com o poderoso Bayern de Munique de Pep Guardiola.

Alexandre Guzanshe/EM/D. A Press
Às vésperas da semifinal, Cuca comunicou ao elenco que deixaria o Atlético para assumir o Shandong Luneng, da China, a partir de 2014. À época, a divulgação da transferência antes do término do Mundial desagradou diretores e alguns jogadores.
De qualquer forma, Cuca se tornou uma espécie de ídolo da torcida do Atlético. No clube, seus números são positivos. Em 153 jogos, ele conquistou 80 vitórias, 34 empates e 39 derrotas. O aproveitamento é de 59,69%.
COMPARTILHAR