População revoltada com a paralisação da “música ao vivo” na Feira de Artesanato e Gastronomia  em Mantena

Segundo informações  a Feira que é realizada toda quinta feira  da semana  foi paralisada  parcialmente ficando sem  as apresentações dos artistas da terra por cerca de 30 dias, a alegação é que foi um pedido da Polícia Militar, e que  o local virou ponto de drogas e prostituições e não existe contingente e profissionais   para  fazer a total segurança da feira.

A Feira se tornou um ponto de diversão do povo mantenense, porém muitos alegam que é um ponto de drogas e prostituições. O que fazer então se no centro da cidade não pode acontecer mais eventos culturais?

A paralisação por 30 dias e o possível fim da Feira de Artesanato e Gastronomia  mexeu com a população  que  ficou indignada com a situação, muitos foram os comentários pelas Redes Sociais quase todos  insatisfeitos com a ação tomada pelo Governo Municipal “ A feira foi criada para resgatar nossa cultura,  com nossos artistas da terra se apresentando e dando oportunidades para  quem trabalha com artesanato e também para culinária,  quase não temos lazer em Mantena,  com certeza se a Feira não voltar completamente pode afetar politicamente a administração municipal, se no centro da cidade não pode haver um evento da comunidade  por causa de drogas e prostituição como vamos fazer então?”, reclamou um dos feirantes.

COMPARTILHAR