Projeto apresentado por Branca de Neve é contestado pelo empresário Paulo Abilio em Mantena, ouça  entrevista

O Site das letrinhas azuis, anunciou , vendeu

“Toda Lei que passa pela Câmara tem um futuro e se fizer mal feita vamos pagar por isso  e se fizer bem feita o Município  vai agradecer por isso , vamos ver realmente  as consequências no futuro” afirmou tecendo outros comentários  relatando sua  preocupação com a Lei e com  o futuro do ramo imobiliário em Mantena.    

 

Empresário Paulo Abílio compareceu à  reunião da Câmara Municipal na apresentação do Projeto de Lei que muda a forma de abrir e criar novos  loteamentos em Mantena – Foto: Redes Sociais

Continua depois da publicidade

O Projeto de Lei 046/18  de 27 de novembro de 2018, encabeçado pelo vereador Anderson Branca de Neve e avalizado pelos vereadores  Sargento Ricardo e pelo Presidente  Robério do Sindicato, alterando a Lei  Municipal  nº 372 de 30 outubro de  1981,   que efetiva   novas  exigências com todos os  custos  aos empresários que queiram   abrir novos  loteamentos,  exigindo   toda  pavimentação da área  colocada a venda  com    energia, água, e toda rede  de  esgoto  em prazo fixado pelo Poder Executivo,  foi veementemente  contestado  pelo empresário do ramo imobiliário  e diretor da autarquia SAAE, Paulo Abilio,  em entrevista  ao radialista Reginaldo Monteiro Ceará  que faz a cobertura das reuniões da Câmara Municipal pela Rádio Clube de Mantena.

Se posicionando sobre a Lei que estava sendo votada pela Câmara Municipal que tem como objetivo mudar  os rumos dos novos  e futuros loteamentos que serão criados em Mantena,  o empresário Paulo Abilio,  proprietário da  Imobiliária São Bernardo e responsável por quatro loteamento e aproximadamente mil lotes na cidade,  relatou  que  a cidade   cresceu muito  lembrando  que  nos últimos vinte anos muitos novos bairros surgiram em Mantena, relatando a importância de um novo loteamento para o Município

Paulo Abriu abriu o verbo e foi enfático “você gera emprego e o dinheiro do loteamento fica na cidade, gera trabalho para pedreiro, servente, pintor, encanador, eletricista e todo  material de construção, enfim tudo fica aqui com um movimento de dinheiro na cidade”.

“Temos de ter muito cuidado com esta Lei que estão colocando ai, o vereador tem o poder muito grande de voto e um voto hoje pode atrapalhar o crescimento amanhã,  precisamos é de trazer imprensas novas para Mantena,  os vereadores não podem votar porque o fulano pediu ou o prefeito que pediu, o vereador para votar uma Lei ele tem de estudar esta Lei e ver aonde que a população esta sendo agraciada com esta Lei”

Ouça toda  a Entrevista…

Veja mais 

http://mantenaonline.com.br/para-vereador-branca-de-neve-secretaria-da-educacao-mentiu-e-prefeito-joao-rufino-deu-pedaladas-com-dinheiro-publico-em-mantena/

http://mantenaonline.com.br/vereador-gilberto-da-aposentaria-e-preterido-pelo-prefeito-e-desabafa-o-homem-quando-fala-uma-palavra-ele-tem-de-cumprir-ouca-o-discurso-na-tribuna/