Real Noroeste Capixaba abre as portas para mais um talento de Mantena

Atletas mantenenses como Stênio Garcia e Matheus Henrique abriram a visão dos diretores do Real Noroeste que desde então tem selecionado vários atletas com potencial para seguir carreira como jogador profissional de futebol.   Além dos três atletas que conquistaram sua vaga nas equipes de base neste ano,  veio a noticia que jovem atacante  Guilherme Willian,  13 anos, natural de Mantena e   que atua jogando de ponta esquerda  também  foi aprovado nos testes do Real Noroeste Capixaba.

Guilherme Willian, 13 anos, natural de Mantena e que atua jogando de ponta esquerda também foi aprovado nos testes do Real Noroeste Capixaba Fotos(Rede Sociais)

Um sonho que começa a ser realizado. Guilherme Willian que foi descoberto  pelo Professor Wendel Valadares, o conhecido Del, e também é  aluno do  Projeto Clínica de Craques Cevin no Bairro de Vila Nova é um jogador muito dedicado  e   respira futebol “Sei que é muito difícil, mas, para Deus nada é impossível” diz o jovem jogador que usa expressões como  força, foco e fé como base  para seguir sua promissora carreira que está apenas começando.   Como tantos outros jovens  brasileiros ele sonha  e tem  a convicção   de que um dia será um jogador profissional  de futebol  de grande  destaque e sua aprovação na equipe de base do Real Noroeste Capixaba representou  muito “É o meu   sonho que começou a ser realizado”, diz o jovem que  ama e  respira futebol.

Veja mais:

http://mantenaonline.com.br/tres-jovens-promessas-do-futebol-sao-aprovados-em-testes-no-real-noroeste-capixaba/

Desde que surgiu no cenário  esportivo capixaba, a  equipe conhecida como Merengues tem investido pesado nas categorias de base revelando dentre outros o atacante Richardson que defendeu o América Mineiro e o Fluminense do Rio de Janeiro conseguindo uma  transferência milionários para o exterior.  

Veja mais:

Ex-América e Fluminense, Richarlison encanta na Inglaterra com dribles e gols e sonha em ser chamado para a Seleção

Com Estádio próprio o Real Noroeste Capixaba tem investido nas equipes de base revelando atletas mantenenses (Foto:Divulgação)

Real Noroeste

O Real Noroeste Capixaba Futebol Clube, ou apenas Real Noroeste, é um clube-empresa de futebol brasileiro com sede em Águia Branca, no estado do Espírito Santo. Seu estádio, o José Olímpio da Rocha, fica situado no mesmo município e tem capacidade para aproximadamente 3.200 pessoas.

Estreou em competições oficiais na Copa Espírito Santo de 2010, onde foi vice-campeão.

Em 2011, com o vice-campeonato da Segunda Divisão, o clube garante acesso à Primeira Divisão de 2012. Ainda em 2011, o clube conquistou a Copa Espírito Santo, derrotando a Desportiva Ferroviária por 3 a 0 e garantindo vaga na Copa do Brasil do ano seguinte, estreando em competições nacionais.

Na Primeira Fase da Copa do Brasil de 2012 o clube perde por 2 a 0 para o Ipatinga no Estádio José Olímpio da Rocha e é eliminado da competição nacional sem a necessidade do jogo da volta.

Em 2013 conquista o bicampeonato da Copa Espírito Santo empatando o segundo jogo da final em 1 a 1 com o Cachoeiro Futebol Clube em Águia Branca. O primeiro jogo foi vencido por 2 a 1 no Estádio Engenheiro Araripe em Cariacica. O título garantiu vaga em 2014 na segunda Copa do Brasil da história do clube e na disputa do título em jogo único da Copa dos Campeões do Espírito Santo contra a Desportiva, campeão do Campeonato Capixaba de 2013.

Na primeira competição do ano, a Copa dos Campeões do Espírito Santo de 2014, o Real Noroeste é derrotado pela Desportiva por 2 a 1 no Estádio Salvador Costa em Vitória na final e perde o título para o rival.

Na Copa do Brasil de 2014, após empate de 1 a 1 no jogo da ida em Águia Branca, Real Noroeste é derrota pelo Rio Branco-AC por 1 a 0 na Arena da Floresta em Rio Branco, Acre e é eliminado ainda na Fase Preliminar do campeonato. No mesmo ano, Real Noroeste conquista o tricampeonato da Copa Espírito. O clube empata o segundo jogo da final com o Atlético Itapemirim por 1 a 1 e garante o título e vaga novamente na Copa do Brasil do ano seguinte por ter vencido o jogo de ida por 2 a 1.

Na Fase Preliminar da Copa do Brasil de 2015 o Real Noroeste classifica-se após vitória também no jogo de volta contra Atlético Acreano no José Olímpio da Rocha por 3 a 2 com três gols do jogador Stênio Garcia. Na Primeira Fase após derrota em casa por 4 a 1 para o Criciúma, é eliminado sem a necessidade do jogo de volta.

Na Copa Espírito Santo de 2015 o clube chega a sua quinta final na competição. O Real Noroeste termina com o vice-campeonato após dois empates na final por 1 a 1 com o Espírito Santo, o time do Espírito Santo tinha a vantagem na final por ter melhor campanha na primeira fase.

No Capixabão de 2016, o clube termina o campeonato na terceira colocação no hexagonal final, a apenas um ponto dos finalistas,  Espírito Santo e Desportiva.

COMPARTILHAR