Quatro irmãos morrem afogados em cachoeira de São Mateus

0
148

Quatro irmãos morreram afogados na tarde deste sábado (24), na Cachoeira do Cravo, localizada no distrito de Nestor Gomes, em São Mateus, Norte do Estado. Segundo a Polícia Militar, as vítimas são dois meninos de 15 e 18 anos e duas meninas de 13 e 16 anos.

Uma trajédia e quatro irmãos perderam a vida em São Matheus
Uma tragédia e quatro irmãos morreram afogados  na Cachoeira do Cravo em São Matheus

Josias Gomes Ribeiro, de 18 anos, Geisiane Gomes Ribeiro, 17, Elias Gomes Ribeiro, 15 e Clarice Gomes Ribeiro, de 13 anos, estavam passando o dia na cachoeira com os pais.

O afogamento ocorreu por volta das 16 horas. A professora de educação física Janaína Pretti, de Jaguaré, também no Norte do Estado, pescava no local e ajudou a socorrer a mãe, Fabiana Miranda Gomes, de 34 anos, que também estava se afogando.

“A gente estava pescando perto quando o pai das crianças começou a pedir por socorro. Saí correndo, pulei na água e peguei a mãe pelo cabelo. Mas eu comecei a afundar e soltei a mulher. Um rapaz veio com um pedaço de madeira e conseguiu puxá-la pela bermuda. Sou professora de educação física e comecei a fazer massagem cardíaca nela. Daí veio o marido para fazer respiração boca a boca e, com um sopro, ela voltou”, contou.

Segundo a PM, a família mora no interior de São Mateus. Uma moradora da localidade, que chamou a polícia, informou que a Cachoeira do Cravo é muito frequentada nos finais de semana, mas não há guarda-vidas no local.

Testemunhas contaram que avistaram a mãe e os quatro filhos se debatendo na água e gritando por socorro. Banhistas que estavam no local ainda tentaram resgatá-los, mas só conseguiram retirar a mãe com a ajuda de uma vara de pescar. A mãe chegou desacordada na margem e foi reanimada com massagem cardíaca.

Segundo o comandante da 1ª Companhia Independente de São Mateus, Major Cristiano Sartório, apesar da pouca correnteza no local há vários desníveis.

“A família estava em uma lâmina de água de aproximadamente um metro. Muito tranquilo. Mas, em um simples movimento, eles caíram em um desnível com aproximadamente dois metros de altura. Foi nessa hora que começaram a se afogar”, contou.

Dois Bombeiros mergulhadores resgataram os corpos dos jovens horas depois do afogamentos.

img_1918-3734765

img_1917-3734764

img_1919-3734766