Mídia apressada espalha pânico com divulgação precipitada sobre presos em Mantena

0
197

A informação apressada e sem buscar as fontes necessárias pela mídia tendenciosa espalhou o medo para população da cidade que demonstrou preocupação  quando recebeu a informação de que o presidio teria  a  presença de cerca de 20 presos   instalados em Mantena.  A direção do presidio negou o fato e disse que nenhum preso será transferido para o Município.

Dois presos de Governador Valadares quiseram se manifestar quando souberam da rebelião em GV, mas, foram contidos pela direção e pela  Guarda do Presidio de Mantena
Dois presos de Governador Valadares quiseram se manifestar quando souberam da rebelião em GV, mas, foram contidos pela direção e pela Guarda do Presidio de Mantena

É claro que com o anúncio e  presença de mais vinte presos já condenados e cumprindo pena no presídio de Mantena instalou-se  de imediato a preocupação da população que sabe que  dentre outras coisas  juntamente com estes vinte presos estariam vindo para a convivência  diárias mais vinte famílias diferentes que nem sempre tem base de formação educativa e familiar e já por estar vivendo uma situação complicada fica mais perto da criminalidade. Assim  a presença destes presos  e suas famílias representaria mais preocupação com a segurança e mais condições da criminalidade se instalar no Município.

Na verdade, por limitações estruturais e capacidade esgotada o Presídio em Mantena não recebeu sequer um detento, oriundo da rebelião que foi registrada no último final de semana na cidade de Governador Valadares. Após final da rebelião foram transferidos cerca de 600 presos, para presídios em diversas cidades de Minas Gerais. Mantena, como possuiu um presídio administrado pelo estado, apareceu na lista dos que iriam receber presos, porém nada havia sido oficializado  e os que se precipitaram  em fazer uma divulgação imediatista deveria repensar as publicações quando estas conclamarem  pânico para população.

A redação do jornalismo portalnews, também preocupado com a divulgação precipitada  conversou na tarde desta quarta-feira dia 10 de Junho, com a direção geral e também com a direção de segurança do presídio de Mantena, e foi informada de que a cidade não recebeu nenhum preso oriundo da rebelião em Governador Valadares.

Mantena ficou fora destas transferências, e a informação vem para tranquilizar toda comunidade, uma vez que assim que a notícia de transferências para o presídio na cidade começou a circular, muitos ficaram temorosos. Aliás, a direção do presídio também teve que contornar um princípio de tumulto provocado por dois detentos que são da cidade de Governador Valadares, e que assim que tomaram conhecimento da rebelião, queriam se manifestar, mas foram contidos.

De acordo com o diretor geral do presídio em Mantena, a situação está tranquila e normalizada. Já após a rebelião em Valadares, o secretário de defesa social, anunciou que as obras de recuperação da unidade prisional iria começar nessa semana, acatando determinação do governador do estado, Fernando Pimentel.

Fonte-base: Portal Mantena