Polícia prende dois homens acusados de assalto a mão armada em Mantena

0
159

Um dos homens é suspeito de  ser o assassino de Matheus  crime ocorrido em Nazário. O assalto nesta tarde de quinta feira aconteceu em uma queijaria em frente ao Hiper Valente da Vila Nova.  Os dois  homens podem fazer parte de uma quadrilha que tem agido em Mantena e região.

pageFinal de quinta feira , (06/08), agitada em Mantena. Dois homens  foram presos acusados de roubo  a mão armada em uma queijaria da cidade. Os  autores  estavam  em uma moto CG Titan Vermelha e de posse de um revolver calibre 32 quando efetuaram o roubo e ainda fizeram um disparo no balcão do estabelecimento. Depois do crime os  autores seguiram sentido a Nazário, feito o rastreamento pelo PPA e  PAC 1 c 2 os militares abordaram os autores e foi encontrado com eles a moto e a arma utilizada e  cerca de R$ 485 reais em espécie (dinheiro), eles foram presos na hora  juntamente  com os  objetos. Um  dos autores presos é suspeito de homicídio e de um outro roubo em supermercado .

Os dois  elementos  que foram presos, Patrick e Jorcimar,  são suspeitos de pertencerem a uma quadrilha  com ramificação no distrito de Nazário  que vem agindo em Mantena e região. Esta quadrilha é  suspeita de assassinatos, furtos de gado, envolvimento com drogas, segundo informações eles agem intimidando a população  quando  fortemente armados cercam as pessoas nas estradas pela noite .

Um dos indivíduos, Patrick é suspeito de ter assassinado  Matheus  em Nazário, um crime que foi realizado de maneira cruel, pois,  o mesmo estava dormindo quando foi retirado da cama e estava com um filho ainda bebê no colo, sem qualquer sentimento ou piedade,  Matheus  foi alvejado e morto, os motivos foram dívidas de drogas.  Existem ainda  suspeitas que um homem vindo de Vitória-ES que  veio para morar  na Zona Rural esteja chefiando a quadrilha. 

Os acusados  foram conduzidos para  Delegacia de  Policia Civil de   plantão em Governador Valadares . Participaram da ocorrência e da prisão  os  Sargentos  Ermano, Sargento Gilmar e  Sargento Bruno,  e os Cabos Câmara e Cabo Rocha.