Cuidado com as varizes: mal afeta sete em cada dez pessoas

0
147

Problema vai além da estética e pode causar de dores fortes até a trombose nas pernas.

 Autor: Adalberto Cordeiro

01ladypernasÀ primeira vista, elas podem parecer simples manchinhas que tiram a beleza das pernas. Mas, e quando as varizes passam a representar mais do que uma questão estética? Isto ocorre no momento em que as veias dilatadas começam a ser acompanhadas de dores, e o fluxo de sangue fica comprometido. E é aí que é preciso procurar tratamento, para evitar que o entupimento da veia – que atinge sete em cada 10 pessoas no país – evolua para um quadro de trombose.

Segundo o médico cirurgião vascular João Luiz Sandri, as mulheres têm mais chance de desenvolver as varizes do que os homens, por conta das constantes mudanças hormonais ocorridas durante a vida – entre elas a da menstruação e gravidez. Durante a gestação, por exemplo, o médico destaca que ocorre o aumento do abdômen da mulher e, assim, também é provocada a expansão dos vasos sanguíneos das pernas.
O aumento da produção do hormônio feminino, a progesterona, também promove a dilatação das veias das pernas. Nesse caso, a orientação do cirurgião vascular é que a grávida invista no uso das meias elásticas, que vão facilitar na circulação do sangue.

Mulheres têm mais chance de desenvolver as varizes do que os homens, por causa das mudanças hormonais

“As varizes também são causadas devido ao fator hereditário, mas essencialmente elas se formam a partir da dilatação das veias superficiais e que ficam com a aparência tortuosa na pele”, explica o médico.

Com relação aos homens, além da pré-disposição genética, a falta de exercícios físicos e o hábito de ficar muito tempo de pé (ou sentado) também auxiliam no aparecimento das varizes.
Mitos e verdades
“A principal prevenção no aparecimento das varizes surge com as nossas mudanças de hábito. Fazer exercícios que auxiliem na melhor circulação do sangue, como a caminhada, natação e o andar de bicicletas, são fundamentais para qualquer pessoa”, destaca Sandri.
Ainda a respeito do assunto, o cirurgião faz questão de desmitificar alguns tabus com relação ao aparecimento das varizes. Ele explica, por exemplo, que o hábito de subir escadas não tem ligação direta com o aparecimento de varizes. Pelo contrário: quando a pessoa sobe os degraus, ela impulsiona o sangue da batata da perna e o espreme para cima, em direção ao coração. A utilização de salto alto também não possui, segundo o médico, relação direta com as varizes.
“O uso recorrente do salto alto influencia no aparecimento de dores nas pernas, pé e na região do tornozelo, mas comprovadamente sobre as varizes não existe essa relação”, diz.
Previna-se
Exercícios
Caminhada
Faça uma caminhada diária de, ao menos, 30 minutos.
Natação
Praticar outros exercícios físicos, como a natação, é um bom aliado para efetiva circulação do sangue. O bom retorno sanguíneo inibe o aparecimento das varizes.
Trabalho
Sentado
Ao longo da jornada de trabalho, dê uma pausa nas atividades e circule por, no mínimo, 5 minutos. Durante o tempo em que estiver sentado, realize exercícios circulares com os pés e até fique um tempo subindo na ponta dos pés.
Escadas
No ambiente de trabalho, também se proponha a subir as escadas e evite o uso do elevador para se locomover entre andares próximos.
Gravidez
Meia elástica
Para as grávidas, a orientação é o uso da meia elástica. Elas melhoram o fluxo de sanguíneo nas pernas e forçam o sangue em direção ao coração – evitando, assim, o inchaço das pernas e o aparecimento das varizes.
Alimentação
Peso
Quando a pessoa está em um peso mais adequado à sua condição física, melhor será a circulação do sangue. Assim, é importante que se evite o ganho de peso em excesso e se pratique exercícios que ajudem na circulação sanguínea nas pernas.