Até quando? Rogério Faustino usa do monopólio das rádios e continua agredindo e incitando o povo de Mantena

0
114

Apesar de já ter sido denunciado  junto ao Ministério Público da Comarca,   o misto de empresário e radialista continua incitando o povo a cometer violência contra o prefeito e vereadores, criticando as pessoas em suas vidas pessoais  e arrumando defeito e problemas  para cidade de Mantena.

fe110411rosto3 - Cópia

Até quando? Não se sabe até quando o povo de Mantena vai suportar  o que vem acontecendo em relação as  divulgações agressivas, muitas delas em tom pessoal e moral,  onde o mesmo  já vem sendo processado por diversas pessoas e responde no fórum  da Comarca.   Não se sabe  até quando as autoridades vão dar uma satisfação ao povo,  quando o  misto de empresário e radialista vem atacando a administração descoordenadamente e ninguém pode responder porque o monopólio das rádios não permitem e quando uma mentira ou uma falsa acusação é martelada na cabeça da população pode virar “uma meia verdade”, principalmente  diante das pessoas mais simples e os que  estão residindo nos rincões , riachos, fazenda e distrito de Mantena.   

Na tentativa de jogar o governo municipal contra a população há mais de um ano o misto de radialista não divulga que o Programa é do Governo do Estado e do Governo Federal ... Até quando?
Na tentativa de jogar o governo municipal contra a população há mais de um ano o misto de radialista não divulga que o Programa é do Governo do Estado e do Governo Federal … Até quando?

Em seu programa de rádio o radialista insiste em colocar a culpa da falta de leite na administração, porém  as pessoas mais simples não sabem que o Programa vem do Governo Federal, para isso ele usa o emocional das pessoas, ataca ao responsável pelo atendimento em Mantena , mas, não fala a verdade, que o leite vem de um Programa do Governo Federal, omitindo a informação, só neste programa o radialista repetiu três vezes sobre o leite “Cadê o leite das suas crianças? Seu João tem quatro crianças gente, e tem cinco meses que não recebe o leite,  é mole? Ou você quer mais? Hein, o povo quer saber? Cadê o leite? Cadê o leite gente? Nem o leite Mantena tem”, disse.

Veja mais>>>>http://mantenaonline.com.br/rogerio-faustino-incita-populacao-a-atacar-vereadores-e-camara-municipal-em-mantena/

Apesar da divulgação do Jornalismo Mantena Online sobre a incitação a violência realizada pelo misto de radialista em  um de seus programas,  pedindo providências da justiça,  parece que não adiantou muito  e   ele além de fazer uma critica velada ao jornalista, pensando que assim vai  intimidar profissionalmente, voltou a reforçar a incitação “Olha gente, salário atrasado você viram o que aconteceu ai no Amazonas, vocês viram o que aconteceu hein, salário atrasado o povo não aguenta, vocês viram bem o que aconteceu, então, município, prefeito fique atento, salário atrasado ninguém aguenta, com fome ninguém aguenta, fome ninguém aguenta, salário atrasado (repetindo com veemência) salário atrasado é complicado, éh, o bicho vai pegar hein , vai pegar, não brinca com o povo , não brinca com o povo, porque lata vazia, bolso vazio, rá, problema na certa né, ninguém , ninguém suporta, misericórdia, o servidor não pode tomar um café da manhã que não tem, é mole, mas, o gestor esta dormindo nesta hora né, éh”   e tentando  calar ao jornalista   continua  “os bundudos fazedor de matéria, os mentirosos, estão dormindo, nem uma família tem, não conseguiu ter uma esposa, nem uma família tem, os bundudos tá tudo dormindo esta hora, por isso que deu no que deu, não trabalha gente, vive perseguindo os outros, perseguindo os outros hein, é mole?”, finalizando.

Na verdade o misto de  radialista e empresário ao ver o teor da reportagem publicada pelo Mantena Online,  em ataque de fúria “metralhou” a administração  durante todo o seu programa com outras  acusações que estão sendo gravadas para uma possível representação no Ministério Público da Comarca.

 Constitui abuso, o emprego da rádio para a prática de crime ou contravenção previstos na legislação em vigor no país, inclusive:

  1. a) incitar a desobediência às leis ou decisões judiciárias;
  2. b) divulgar segredos de Estado ou assuntos que prejudiquem a defesa nacional;
  3. c) ultrajar a honra nacional;
  4. d) fazer propaganda de guerra ou de processos de subversão da ordem política e social;
  5. e) promover campanha discriminatória de classe, cor, raça ou religião; insuflar a rebeldia ou a indisciplina nas forças armadas ou nas organizações de segurança pública;
  6. f) comprometer as relações internacionais do País;
  7. g) ofender a moral familiar pública, ou os bons costumes;
  8. h) caluniar, injuriar ou difamar os Poderes Legislativo, Executivo ou Judiciário ou os respectivos membros;
  9. i) veicular notícias falsas, com perigo para ordem pública, econômica e social;
  10. j) colaborar na prática de rebeldia, desordens ou manifestações proibidas.