GAO prende dois suspeitos com 300 gramas de maconha e crack em Barra de São Francisco-ES

0
102

Os dois indivíduos presos, Romário Pereira Castro e o Robson Silva Passos não souberam explicar a origem da droga, em primeiro momento relataram que a droga foi adquirida em Governador Valadares -MG para logo depois voltar atrás e relatar que compraram a droga de uma pessoa de nome Deivison no Distrito de Governador Lacerda de Aguiar em Água Doce do Norte -ES.

lEm patrulhamento tático do GAO, Grupo de Apoio Operacional-PM-ES, nesta sexta feira, (26/02), pelo Bairro de Vila Luciene em Barra de São Francisco-ES, depois da informação de que dois homens suspeitos estariam em uma motocicleta vermelha, armados e transportando drogas, os policiais visualizaram os suspeitos sendo dado de imediato a ordem de parada e utilizados sinais sonoros e luminosos na viatura, todavia o condutor desobedeceu a ordem e iniciou uma fuga. Foi feito então um acompanhamento e cerco tático pelos policiais interceptando o condutor nas proximidades do Pinicão quando foi realizado uma abordagem e busca pessoal não sendo encontrado nada com a dupla, porém próximo a motocicleta foi encontrado um punhal, durante o acompanhamento a guarnição pode perceber o momento que o carona da motocicleta, que a todo instante levava a mão na cintura, lançou para o lado direito da via, nas proximidades do presidio, um embrulho que posteriormente ficou confirmando sendo um tablete de 300 gramas de maconha e uma pedra de crack, a dupla, Romário Pereira Castro e o carona Robson Silva Passos relataram ter adquirido a droga de uma pessoa de nome Deivison no distrito de Governador Lacerda de Aguiar, município de Água Doce do Norte, em outra conversa teriam afirmado que compraram 1 quilo de maconha em Governador Valadares-MG e que já teriam vendido 700 gramas da droga, ficando a confirmação e os fatos de serem averiguados pelo o Delegado da Polícia Civil para onde os foram conduzidos depois de exames no Hospital Drª Rita de Cássia.
Denúncias anônimas confirmaram que existe um envolvimento de Romário e Robson na comercialização de drogas no Morro da Colina, em Barra de São Francisco. A motocicleta Placa MTR 8784, encontra-se à disposição das autoridades.