Oposição se desentende em Rede Social e lava “roupa suja” publicamente em Mantena

0
283

Branca de Neve esqueceu seu discurso na Tribuna da Câmara  quando disse que de maneira nenhuma votaria no então pré-candidato a prefeito   Gentil da Mata, o chamando  de  omisso e covarde,  sendo contestado publicamente pelo herdeiro do monopólio dos rádios  em Mantena. Qual  a explicação temos ai a não ser negociatas entre Edson e CIA? Não te critiquei por estar apoiando alguém, E sim o seu posicionamento. Se ele era covarde o que  mudou depois? Tem muita fala pra entrar no ar??? Perceba quem vem querendo tomar o “poder” em Mantena.

O herdeiro do monopólio de rádios em Mantena, Felipe Faustino e o Vereador Wanderson Branca de Neve estavam unidos até que quando os interesses começaram a sobressair em detrimento ao conquistar o "poder" a qualquer preço
O herdeiro do monopólio de rádios em Mantena, Felipe Faustino e o Vereador Wanderson Branca de Neve estavam unidos até que quando os interesses começaram a sobressair em busca   de conquistar o “poder” a qualquer preço- Foto: Rede Social/Internet

Oposição começou a se desentender pelas Redes Sociais, quando  o  vereador Branca de Neve  foi contestado  por não ter cumprido sua palavra na Tribuna da Câmara, quando disse que o pré-candidato a prefeito Gentil da Mata  era omisso e covarde e que não teria seu voto nas próximas eleições.  O que houve para mudar o seu voto?  Perguntou o herdeiro do monopólio de rádios em Mantena. O povo quer saber?

Se fosse um clássico carioca Flamengo X Fluminense, quando a mídia para chamar a atenção intitula o jogo como “lobo comendo lobo”, talvez pudesse passar até despercebido uma discussão, afinal futebol e politica caminham  quase juntos, porém em Mantena a coisa vem ficando literalmente “preta”, como diz o ditado, entre a oposição, que antes navegava a mil maravilhas,  e hoje estão se digladiando publicamente, porém,  evidenciando que quando os  interesses começaram a sobressair a divisão eminente iria mesmo acontecer  e agora, muitos deles, começam a recolher o fruto das sementes que foram plantadas, principalmente o vereador Wanderson Branca de Neve, que passou todo o tempo de atuação no legislativo jogando conversa fora e agredindo  sem medidas as pessoas, agora , colocado em saia justa pelo radialista e herdeiro do monopólio de rádios em Mantena, Felipe Faustino, o vereador “gaguejou” literalmente para  explicar a confirmação  da “palavra” jogada ao chão.

Veja mais

>>>>>http://mantenaonline.com.br/depois-de-execrar-gentil-da-mata-vereador-cara-de-pau-quer-gancho-de-imagem-em-mantena/

>>>>>http://mantenaonline.com.br/ouca-as-palavras-do-vereador-wanderson-branca-de-neve-ao-pre-candidato-gentil-da-mata-em-mantena/

>>>>>http://mantenaonline.com.br/vereador-branca-de-neve-detona-ex-vice-prefeito-gentil-na-camara-municipal-homem-sem-palavras-covarde-inerte-omisso-inconfiavel-tem-o-meu-repudio/

O herdeiro do monopólio de rádios, Felipe Faustino, expondo a gravação do vereador na Tribuna da Câmara   foi taxativo  questionando: Qual  a explicação temos ai a não ser negociatas entre Edson e CIA? Não te critiquei por estar apoiando alguém, E sim o seu posicionamento. Se ele era covarde o que  mudou depois? Você disse na fala que  não apoiaria? E porque agora apoia? Eh a mesma coisa de passarmos a falar bem do governo atual, ele mudou? Fez alguma obra? Qual fato novo? Teria algo errado não teria? Explique pra nós talvez podemos entender assim como você entendeu? Ai o povo aqui quer saber?

Na saia justa e para tentar explicar a falta de palavra  confirmada pela população mantenense, o Vereador Wanderson Branca de Neve respondeu e ainda teve a coragem de pedir apoio ao povo: “Esta fala é minha temos na câmara um áudio melhor, caso alguém queira ouvi -lo, eu disse que não votaria no gentil, mas mudei de ideia e vou votar e pedir votos, ia votar no Marcos Toledo mas ele desistiu, no atual eu não voto, votaria na chapa puro sangue talvez,  mas aconteceu com ela o fenômeno stillbirth, optei pelo gentil e oportunamente peço aos meus amigos e eleitores que mais uma vez me ajudem votando comigo tendo paciência comigo e me ajudando a acertar, juntos somos fortes”.

Ao citar o fenômeno stillbirth, que é o mesmo que uma síndrome da morte súbita na infância, o vereador Wanderson Branca de Neve quis tirar uma “casquinha” de leve no misto de radialista e empresário Rogério Faustino,
Ao citar o fenômeno stillbirth, que é o mesmo que uma síndrome da morte súbita na infância, o vereador Wanderson Branca de Neve quis tirar uma “casquinha” de leve no misto de radialista e empresário  Faustino sobre a chapa puro sangue que teria sido lançada e abortada

Politicamente, ao citar o fenômeno stillbirth,  que  é o mesmo  que uma síndrome da morte súbita na infância, o vereador Wanderson Branca de Neve quis tirar uma “casquinha” de leve no misto de radialista e empresário Rogério Faustino, pai de Felipe, que ameaçou lançar uma candidatura considera por ele como “puro sangue” e que trazia o filho Dr. Cassiano como pré-candidato a vice-prefeito em Mantena, a chapa não vingou e morreu no ventre antes mesmo de nascer.

Indignado com o fato do Vereador esboçar apoio a um candidato que detonou fortemente,  o herdeiro do monopólio, Felipe Faustino continuou pressionando trazendo à tona outros fatos da politica mantenense: Mas o home deixou de ser covarde? O povo quer saber? Geraldin defensor pago vem ai. Faça valer os 2 mil”, se referindo ao servidor público que tirou uma licença saúde e esta encostado no IMP – Instituto Municipal de Previdência  e que tem  separado todo o  seu tempo para fazer um trabalho político que todos já conhecem no Município.  

Branca de Neve então passou ao ataque mais uma vez:  “Fale que não Filipe semeando este tanto de vento, a tempestade que colherão certamente irá deixar vc’s amargamente desapontados. Covarde a meu ver é que esconde atraz (atrás)  de microfones para agredir denegrir e macular a imagem das pessoas”, disse.

 Felipe Faustino citou o servidor Geraldinho com defensor pago por 2 mil”, e que tirou uma licença saúde e esta encostado no IMP – Instituto Municipal de Previdência
Felipe Faustino citou o servidor municipal  Geraldinho como defensor pago por 2 mil reais. Será?  O servidor tirou uma licença de saúde e estava  encostado no IMP – Instituto Municipal de Previdência, mas, será que  continua trabalhando em seu escritório particular? Foto: Rede Social/Internet

Felipe Faustino 2: Problema q quando o vento arranca a telha do vizinho nao doi na gente, mas ele as vezes muda e ranca a da gente

Branca de Neve: Se estou falando nada com nada de onde aparece o endereço?  Então vc entendeu?

Felipe Faustino 2: Nao estamos escondidos

Felipe Faustino 2: Todos sabem quem fala, e oq fala eh verdade

Branca de Neve: E quem disse que estão?

Felipe Faustino 2: E vem muito mais por ai

Branca de Neve: Respeito sua verdade embora não acredito nela.

Felipe Faustino 2: Tem muita fala pra entrar no ar

Branca de Neve: Voto no gentil e te convido a me seguir.

Branca de Neve: Sempre estivemos juntos.

Felipe Faustino 2: E vamos estar

Felipe Faustino 2: Amizade nao se mistura com politica

Geraldinho: Mas misturou hoje…

Geraldinho: infelizmente

Geraldinho: não esperava

Branca de Neve: Com o fenômeno stiibirth da chapa puro sangue tr aconselho a pegar carona conosco os bons andam juntos.

Geraldinho: Desde que sai do atual governo me alinhei a algumas pessoas que entendia estar de acordo com pensamentos de tirar o mal que está ai .. mas complicou agora hein.. ta ficando estranho

Branca de Neve: Vc não criticaria se eu ficasse com quem? A imagem que vc’s passam do João Rufino é muito ruim também, no andim eu não voto em cima do muro eu não fico.

NOTA DA REDAÇÃO

Lendo  o restante do conflito e da  baixaria da oposição, podemos perceber a índoles das pessoas que  vem querendo tomar o poder em Mantena,  se eles não se suportam e  traem  a eles mesmos com acusações e brigas quando ainda nem  estão no poder, imaginem  se alcançarem o poder que tanto “almejam”. Será que estão aptos a governar? Será que tem condições para liderar uma cidade como Mantena? Tramas, mentiras,  conflitos, falta de palavras, etc,  e como disse um dos envolvidos  ainda tem muito mais escondido e a pergunta continua: O povo quer saber?