Adolescente se afoga após deixar ônibus escolar em Frei Inocêncio

0
156

Veículo quebrou na zona rural; motorista havia saído para tentar socorro. Outro adolescente também quase se afogou, mas foi salvo a tempo.

 Zana FerreiraDo G1 Vales de Minas Gerais
Corpo foi encontrado cerca de quatro horas após ter o afogamento (Foto: Zana Ferreira/ G1)Corpo foi encontrado pelos Bombeiros cerca de quatro horas após o afogamento (Foto: Zana Ferreira/ G1)

Um adolescente de 17 anos morreu afogado na tarde desta segunda-feira (6) na zona rural de Frei Inocêncio. Segundo testemunhas, a vítima se afogou quando nadava no Rio Suaçuí Grande.

A vítima era um estudante que fazia uso do transporte escolar de Brasilândia para a Escola Estadual Frei Inocêncio. Após o veículo parar de funcionar no meio do caminho, o motorista conta que precisou deixar os adolescentes sozinhos para ir buscar socorro.

“Eu pedi a eles que não saíssem do ônibus e vim até a casa do meu irmão, que era perto de onde o ônibus tinha quebrado; ia telefonar. Aí pouco depois veio um adolescente desesperado falando que o menino tinha se afogado”, contou o motorista Renato Meira. A distância entre a casa onde o motorista pediu socorro até o ponto onde a vítima se afogou é de aproximadamente 600 metros.

Demais estudantes foram embora em outro ônibus após a tragédia (Foto: Zana Ferreira/ G1)Demais estudantes foram embora em outro ônibus
após a tragédia (Foto: Zana Ferreira/ G1)

O dono da casa, irmão do motorista, correu até o ponto onde o rapaz havia desaparecido a tempo de evitar que outro adolescente se afogasse, e conseguiu retirá-lo da água com vida. “Muita tristeza, ver uma coisa daquela. Mas Deus ajudou que pelo menos um a gente tirou, a coisa mais importante é isso”, desabafou Adriano Meira.

Após a chegada da Polícia Militar, outro ônibus foi providenciado para transportar os outros estudantes que não estavam feridos.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e, por volta das 16 horas, uma equipe iniciou os trabalhos de reconhecimento do local e resgate. Próximo às 17 horas o corpo foi encontrado e levado para a borda do rio, permanecendo submerso até a chegada da perícia da Polícia Civil.

O G1 tentou contato com a Prefeitura de Frei Inocêncio, mas, devido ao horário de expediente ter se encerrado, ninguém foi encontrado para comentar o caso. Até a publicação desta matéria a Polícia Civil não havia retornado do local.