Secretário Mauro Pereira notifica empresários requerendo calçadas livres em Mantena

0
241

A Secretaria de Indústria e Comércio começou nesta semana a notificação dos empresários proprietários de comércio no centro da cidade requerendo a retirada de placas ou qualquer objeto que esteja impedindo o trânsito das pessoas pelas calçadas.  A medida gerou um grande desconforto entre os empresários e os ambulantes começaram a ser contestados.

Para este comerciante houve excesso, pois, sua propaganda não impede o trânsito na calçada

Especificamente um  empresário  ao ser notificado de que precisaria retirar sua propaganda da calçada em frente ao seu comércio constatou e    relatou pelas Redes Sociais o seu constrangimento “Quero agradecer ao secretário de indústria e comércio por atrapalhar ainda mais o nosso comércio. Alguém está vendo. Alguma calçada obstruída? Ao invés de ajudar o comércio só está atrapalhando. Parabéns” postando uma foto evidenciando que realmente a sua propaganda não tem atrapalhado o ir e vir do cidadão diariamente pelas calçadas.

 

Alguns empresários entenderam que o posicionamento do Secretário de Industria e Comércio, Mauro Lúcio Pereira,  foi uma tentativa de intimidar o empresariado com ameaças de serem adotadas as medidas cabíveis, porém todos sabem que existem sim excessos nos expedientes dos empresários, mas deve-se, primeiramente, orientá-los, para que não venham cometer infração administrativa, nos termos do Código de Posturas do Município, Lei 508/85, relatou um advogado que tem acompanhado o caso.

O Código de Postura do Município deixa condições para os empresários usarem a calçada

Para este advogado deve sim haver um bom senso dos comerciantes de não utilizarem as calçadas como depósitos e ou até mesmo extensão de suas lojas, lembrando que o código deixa em aberto uma tolerância, ao dizer que poderá ser ocupada a via pública, desde que deixem livres para o  pedestre uma faixa de passeio de largura suficiente a não o prejudicar em seu trânsito. O comércio sempre teve esta cultura e porque a intolerância? Devemos ser tolerantes e incentivar o comercio ao invés de desestimular.  

Vejam mais 

http://mantenaonline.com.br/comercio-cobra-invasao-abundante-de-ambulantes-no-centro-de-mantena/

Existem aqueles que também esperam pela completa ação na retirada e na notificação daqueles que estão atrapalhando o transito das pessoas pelas calçadas, alguns citam que a medida é necessária para reorganização geral, porém esperam que os ambulantes sejam também notificados, batendo na tecla que eles sim não pagam impostos e não tem nenhum compromisso social como pagamento de funcionários, etc; e usam as calçadas como seu ponto de comércio.  

O Grupo Mantena Protegida que vem acompanhando os acontecimentos deve esperar por cerca de 10 a 15 dias para analisar os fatos e consequentemente se reunirem com o secretário Mauro Pereira em busca de soluções que possam melhorar o comércio e também contestar outras que  por ventura venham atrapalhar e desestimular o comércio de Mantena.