Crise: Taça Cidade volta a ter rodada sem resolver absolutamente nada, porém corre o risco de acontecer nova paralisação em Mantena

0
14

Nesta terça-feira,  (23/05), a competição volta ao normal seguindo a tabela  pela Taça Cidade Mantena 2017,  as pendências devem ser resolvidas  amanhã, quarta feira, (24/05) na Reunião do Conselho Disciplinar  que deve ser convocada pela   Secretaria Municipal de Esporte em reunião privada. A competição também corre o risco de  uma nova paralisação  se alguns dos envolvidos se sentirem prejudicado e  entrarem  na justiça comum.

o Secretário Municipal de Esportes,Valsair Lima, vem sendo muito contestado em Mantena

Segundo informações, depois de uma reunião do secretário Municipal, Valsair Lima, com os presidentes das equipes da serie A e B, propondo mudanças na competição em relação ao regulamento e  às polêmicas envolvendo a inscrição e a participação dos atletas Matheus Escala , Du e de outros jogadores, bem como   o julgamento do técnico Boca do Santa Rita que também esta na pauta,  tentou estabelecer dialogo  visando  adequar com novos jogos, mas,  não deu certo, sem conseguir êxito na reunião  e com  a decisão das equipes  de seguir  a competição normalmente  nesta terça , ficou  estabelecido  a espera dos julgamentos em  reunião  do Conselho Disciplinar que deve ser convocado  por parte da Secretaria Municipal de Esportes   para que  resolva a situação de vez, enquanto isso , os clubes  devem continuar jogando normalmente  a competição cumprindo ainda a  rodada  da próxima sexta feira.

Julgamentos

Nesta próxima  quarta feira, (24/05), está previsto para acontecer a reunião do Conselho Disciplinar referente as infrações que aconteceram na Taça Cidade Mantena 2017 no futebol de campo,  muitas indagações e  uma série de polêmica  que podem ser solucionadas de uma maneira efetiva ou que  também pode levar a Taça Cidade Mantena 2017 aos tribunais da justiça  com  a competição indo  parar no fórum da Comarca.

Em pauta estarão sendo julgados  os jogos  Fluminense do Bananal  contra o Santa Rita, que entrou requerendo os pontos pela presença do técnico Boca no banco de reservas alegando que ele é  morador  de Caférralo, distrito de  Água Doce do Norte,ES,  e do Dominante do Nazário que entrou contra a Cevin em virtude principalmente do zagueiro/volante Matheus Escala não ser morador de Mantena. 

Na sequencia a bola volta a rolar  já na quinta feira,  quando se enfrentam Santa Rita X Cevin  e comenta-se nos bastidores se a equipe do Santa Rita for punida no julgamento de quarta feira, afirmam que devem entrar com um recurso  na justiça comum podendo paralisar a  competição , alegando  dentre outros  em virtude de  não terem sido alertados  a tempo sobre estes fatos e que a equipe somente recebeu o regulamento  da competição  após quatorze dias  da Taça Cidade Mantena 2017 ter começado suas disputas, sem regulamento  em mãos alegam que não tinha conhecimento das questões, como pode haver uma punição sendo que nem o regulamento existia, lembrando que o Santa Rita  fez  o jogo na abertura da competição?  Indagam.

De acordo com informações,   o Conselho Disciplinar julgou  o caso de Cassiano,  atleta  do Volante Esporte Clube,  tomando dois jogos de suspensão  pela expulsão referente a Copa DrogaMinas, como já havia pagado um jogo na ocasião do futsal, falta um para ser cumprido,  só que o julgamento chegou atrasado, pois o mesmo Cassiano já jogou uma partida pela competição e mesmo tendo estreado pelo Volante no empate  contra o Beira Rio não vai poder ser escalado para jogar a  próxima partida contra o Grêmio.  

Outras divergências podem acontecer se o jogador da Cevin Matheus Escala for considerado  como jogador da casa, abre parênteses para que Vinicius Guerra possa jogar como jogador da casa para o Volante abrindo vaga para outro jogador ser contratado como escrete, tudo isso causando revolta aos diretores do Volante Esporte Clube  que se sentiram  prejudicado pela decisão do  julgamento somente com o seu jogador, fato compartilhado e  que abrangeu  também outros dirigentes locais.   

“ Vagabundagem , essa secretaria e essa comissão do esporte virou uma safadeza, ninguém tá pensando em bem do esporte mantenense não , virou coisa pessoal e perseguição, tudo ditador, a partir de agora  vamos começar a descer o cacete neles para aprenderem, chega de moleza”, disse um dos dirigentes que acompanham os fatos.

Sem credibilidade

Nos bastidores do futebol  mantenense  os desportistas  e dirigentes dos clubes comentam diversos fatores, a maioria dos comentários  são relativos a falta de  gerenciamento por parte do Secretário Municipal de Esporte, que  vem efetivando uma competição com a  credibilidade contestada devido  principalmente  as  mudanças  que foram  realizadas  no regulamento  que  tocava a Taça Cidade de futebol de campo até o ano passado em  Mantena.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui