Polícia Civil age rápido e prende dois  acusados de matar jovem com 3 tiros na cabeça  em Mantena

0
90

Três dias após o crime que abalou o Bairro Santo Antônio, a Polícia Civil deu  uma resposta praticamente imediata a sociedade colocando na prisão dois acusados, a polícia ainda investiga a responsabilidade de outro acusado que também já foi  identificado.

A Polícia Civil apresentou os dois envolvidos no crime que abalou o Bairro Santo Antônio em Mantena

Já estão à disposição da Justiça no Presídio Regional de Mantena dois homens acusados de envolvimento no homicídio do jovem João Carlos Martins Barbosa, de 18 anos, ocorrido na noite da última terça-feira, 12, nas imediações do estádio municipal.

Na ocasião a vítima se encontrava em via pública, na companhia de alguns adolescentes, quando foi abordada por dois indivíduos a bordo de uma motocicleta, tendo o passageiro efetuado cerca de três disparos contra João Carlos, atingindo-o na cabeça.

M.H.S.L, 19 anos, foi preso no dia seguinte ao crime, apontado como sendo o atirador. O suposto mandante, D.V.G, 20 anos, foi preso na tarde desta quinta-feira.

A Polícia Civil ainda investiga a responsabilidade de outro acusado, já identificado como sendo W.I.O,  24 anos, que teria pilotado a motocicleta até o local do crime. Ele alegou que foi coagido a dar carona ao atirador. Por ter colaborado com as investigações e, a princípio, não representar risco à ordem pública, W.I.C permanece em liberdade.

A motivação do crime seria em virtude de supostas ameaças feitas pela vítima contra D.V.G, o qual atualmente se relaciona com a ex-namorada da vítima.

Durante a operação realizada para prender o mandante do crime foram encontrados diversos bilhetes com ameaças supostamente feitas pela vítima contra D.V.G.

O crime imputado aos acusados é de homicídio qualificado, cuja pena prevista é de 12 a 30 anos de reclusão.        

Fonte: PC/Mantena