Jovem morre esfaqueado durante briga de trânsito em Contagem

0
83

Colisão traseira entre caminhonete e carro terminou em discussão e responsável pela batida esfaqueou duas pessoas. Ele foi preso em Betim

CS Cristiane Silva
Corsa foi atingido na traseira pela caminhonete. Os dois ocupantes seguiram o responsável e houve uma briga(foto: Polícia Militar/Divulgação)

Segundo o tenente Walter Teodoro, do 18º Batalhão da Polícia Militar (PM), o motorista de uma caminhonete Hilux bateu na traseira de um Corsa na saída de um bar na Avenida Prefeito Gil Diniz, no centro. Após a colisão, ele deixou o local e os dois rapazes que estavam no veículo menor – sendo o motorista de 22 anos e um amigo de 23 -, seguiram o outro veículo para tirar satisfação. 

Eles acabaram interceptando a caminhonete no Bairro Santa Helena, onde começaram a brigar. De acordo com tenente, os homens chegaram a usar um extintor de incêndio para bater no motorista da caminhonete, que revidou com uma faca que estava dentro da caminhonete, fugindo em seguida. 

Motorista da Hilux foi detido na porta de casa e havia chamado um reboque(foto: Polícia Militar/Divulgação)
Motorista da Hilux foi detido na porta de casa e havia chamado um reboque(foto: Polícia Militar/Divulgação)

Conforme o militar, o passageiro do Corsa, que sofreu cortes mais superficiais, assumiu a direção e levou o amigo até o Hospital Municipal de Contagem (HMC), mas ele morreu. O passageiro recebeu atendimento médico na unidade. 

Ainda de acordo com o tenente Walter, após a batida, o suspeito acionou o reboque e acabou preso quando chegava em casa, em Betim. A polícia localizou o endereço porque testemunhas anotaram a placa. Ainda de acordo com o policial, os envolvidos na briga tinham sintomas de embriaguez. “Ele (suspeito) está com ferimento nas costas, o rosto sujo de pó de extintor. Não quis ser medicado”, explica o tenente. “Ele confirmou essa versão. Ele fala que é canivete (objeto usado no crime), mas a arma não foi localizada”, informou. 

Os dois veículos foram rebocado e o caso será registrado na Delegacia de Plantão de Betim.