Mãe estrangula filho de 10 meses e envia vídeo para o pai em Abaeté

0
103

Segundo a polícia, mulher tem depressão pós-parto e ação foi para chantagear o pai da criança


DQ Danilo Queiroz
(foto: Reprodução)
Durante os cinco segundos da gravação, a mulher aperta o pescoço da criança, que, impedida de respirar, fica vermelha e chora. A reportagem teve acesso às filmagens, mas por se tratar de uma cena extremamente forte, optou por não divulgá-la. “Fala para o seu pai que eu não estou brincando”, diz no vídeo. O crime aconteceu no último sábado (21/10) e foi registrado no 141º Batalhão da PM em Abaeté.

Ainda de acordo com a polícia, a mulher, que estaria sofrendo de depressão pós-parto, foi encaminhada a um hospital psiquiátrico em Belo Horizonte. Ela precisou ser escoltada por uma equipe da corporação, já que, revoltados, os vizinhos ameaçavam linchá-la.

O bebê foi resgatado e está sob a guarda de um parente. Já a mulher continua recebendo tratamento especializado e, segundo a polícia, não foi presa.

* Estagiário sob supervisão de Anderson Costolli