Secretaria da Fazenda informa que 18% dos servidores de MG não receberam 2ª parcela do salário Justificativa para o atraso é a falta de recursos em caixa devido à queda na arrecadação e nos repasses da União ME Marcelo Ernesto postado em 23/03/2018 19:00 (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press ) (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press ) A Secretaria de Fazenda de Minas informou nesta sexta-feira que dificuldades no caixa do estado fizeram com que quase 20% dos servidores não recebessem a segunda parcela do salário hoje, como estava previsto. SAIBA MAIS 16:29 – 02/03/2018 Governo de MG divulga escala de pagamento de março para os servidores 10:28 – 20/03/2018 Governo de MG atrasa parcela do 13º de parte dos servidores e diz que vai quitar hoje 08:46 – 16/02/2018 Governo de MG paga primeira parcela do salário de fevereiro nesta sexta-feira Levantamento da pasta mostra que os valores disponíveis conseguiram cobrir o pagamento de 82% dos servidores. Já sobre o restante, não foi informada data para o depósito da segunda parte do parcelamento. “Em relação aos demais 18%, o Governo de Minas Gerais reitera seu compromisso e trabalha para regularizar o pagamento da segunda parcela o quanto antes”, informou a secretaria. A justificativa dada pela Secretaria de Fazenda para a situação foi o a frustração de recursos, inclusive, por parte da União que inviabilizaram cumprir a agenda de pagamentos definida. Continua depois da publicidade “A Secretaria de Estado de Fazenda informa que a queda da arrecadação tributária e a redução dos repasses da União a Minas Gerais frustraram as receitas do mês de março e refletiram no fluxo de caixa do Estado, impossibilitando o pagamento total da segunda parcela do salário de fevereiro”, esclareceu. De acordo com a escala divulgada no começo de março, os servidores com salário até R$ 3 mil líquidos, tiveram o salário integral depositado no dia 14 de março. Quem recebe entre R$ 3 mil líquidos e R$ 6 mil líquidos deveria receber a segunda parcela nesta sexta-feira, dia 23. Já para aqueles que ganham mais de R$ 6 mil em valores líquidos, a última parte do pagamento está prevista no dia 29.

0
100

Justificativa para o atraso é a falta de recursos em caixa devido à queda na arrecadação e nos repasses da União.

ME Marcelo Ernesto

(foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press )
(foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press )

A Secretaria de Fazenda de Minas informou nesta sexta-feira que dificuldades no caixa do estado fizeram com que quase 20% dos servidores não recebessem a segunda parcela do salário hoje, como estava previsto. 

Levantamento da pasta mostra que os valores disponíveis conseguiram cobrir o pagamento de 82% dos servidores. Já sobre o restante, não foi informada data para o depósito da segunda parte do parcelamento.

“Em relação aos demais 18%, o Governo de Minas Gerais reitera seu compromisso e trabalha para regularizar o pagamento da segunda parcela o quanto antes”, informou a secretaria. 

A justificativa dada pela Secretaria de Fazenda para a situação foi o a frustração de recursos, inclusive, por parte da União que inviabilizaram cumprir a agenda de pagamentos definida. 

“A Secretaria de Estado de Fazenda informa que a queda da arrecadação tributária e a redução dos repasses da União a Minas Gerais frustraram as receitas do mês de março e refletiram no fluxo de caixa do Estado, impossibilitando o pagamento total da segunda parcela do salário de fevereiro”, esclareceu. 

De acordo com a escala divulgada no começo de março, os servidores com salário até R$ 3 mil líquidos, tiveram o salário integral depositado no dia 14 de março. 

Quem recebe entre R$ 3 mil líquidos e R$ 6 mil líquidos deveria receber a segunda parcela nesta sexta-feira, dia 23. Já para aqueles que ganham mais de R$ 6 mil em valores líquidos, a última parte do pagamento está prevista no dia 29.