Sem amor e sem compaixão: Fogo em escola  abandonada deixa mãe indignada em Limeira de Mantena, veja fotos e vídeo 

0
466

Moradora relata que funcionário  do município colocou  fogo  no mato  do quintal do  grupo  que se encontra  abandonado  no distrito   sujando  todas  as residências  vizinhas, ela pede que a Prefeitura Municipal  corte os dois pés de coqueiro que estão no local  e que  devido ao fogo e  com  o vento forte  podem cair em cima de sua casa, ela tem três crianças e ficou  chateada com a forma como foi tratada pelos servidores e com   tudo aconteceu em Limeira.   

 

Continua depois da publicidade

Segundo   o relato  de  Eliane Lima Boaventura    que   mora com  três  crianças  ao lado do grupo abandonado  na Rua Bragança, 405, no distrito de Limeira tudo aconteceu muito rápido… 

 “Toda vez que o mato cresce no grupo  que se encontra  abandonado   eu vou na outra escola e procuro o diretor que fica com a chave deste  grupo    e peço a ele que  coloque as pessoas para capinarem , sempre é uma peleja muitas vezes passo meses pedindo  porque com o mato  alto  aparece  cobra, pernilongo  e outros animais peçonhentos  que vem para minha casa  sendo que tenho três  crianças  pequenas, além de eu ter problemas de sinusite  muito séria  para completar minha filha menor  tem três meses que passou por uma cirurgia de risco”

 “Nas outras vezes  que fizeram as queimadas eles entravam em contato comigo  para que eu retirasse as crianças  e fechasse a casa,  agora  as crianças estão de férias e  sem  nenhum aviso eles  colocaram  o   fogo  sem a gente perceber   subiu uma  grande fumaça e devido ao calor eu estava com a minha casa toda aberta  e toda aquela sujeira  que o fogo faz  deixou a minha casa  pretinha de cisco, tive de tirar as crianças  correndo  quando eu fui perguntar quem tinha dado ordem  eles falaram que foi o Bigorna Carlinho    funcionário  da  prefeitura   que é  responsável  pelo setor aqui em Limeira”

Veja mais

População  relembra pelas Redes Sociais  o primeiro discurso do Prefeito João Rufino depois de eleito, “evite de colar igual carrapato”, veja vídeo

 Eliane Boaventura   relatou  sua preocupação   com os dois pés de coqueiro  que  estão   plantados no grupo e que  aparentemente  sofreram com o impacto do fogo…

 “Se vier uma ventania estes coqueiros podem cair  em cima de minha casa, eu estou pedindo  uma ajuda  sua do Mantena Online  para divulgar  porque   na hora de pedir voto eles  vem e na hora que  realmente precisamos eles não estão nem ai”

Sobre o grupo escolar  Eliane Boaventura  disse que está abandonado  e fechado,  relatando ainda que já  entrou gente para roubar, arrancaram  as fiações,  arrebentaram a  porta , o grupo tá uma vergonha, uma asneira, totalmente abandonado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui