Sargento Ricardo recebe diretoria do  COMSEP reafirmando o compromisso  e  a  parceria  do legislativo  em busca de maior segurança para população mantenense 

0
56

O Presidente da Câmara Municipal, Sargento Ricardo Firmino,  recebeu    a diretoria e membros do COMSEP – Conselho Municipal de Segurança Pública  quando tomou  conhecimento  da 2ª fase do Projeto de Vídeo Monitoramento. Ele   confirmou seu apoio   e relatou que   em reunião oportuna vai apresentar o Projeto aos vereadores para que tomem conhecimento e juntos possam legislar apoiando a Segurança Pública de Mantena. 

Sargento Ricardo recebe diretoria do  COMSEP reafirmando o compromisso  e  a  parceria  do legislativo  em busca de maior segurança para população mantenense  – Foto: Redes Sociais/Divulgação

Continua depois da publicidade

Veja mais 

DIRETO AO GOVERNADOR: Presidente  da Câmara  Municipal Sargento Ricardo  oficializa   pedido  de  Delegacia Regional e a fração do Corpo de Bombeiros para Mantena  

Presidente da Câmara Municipal de Mantena, Sargento Ricardo, reafirmou seu compromisso com a segurança pública em Mantena – Foto: Divulgação/Redes Sociais 

O Presidente da Casa   enfatizou  que   na primeira  fase do Projeto de instalação  do Vídeo Monitoramento  no Município   estava atuando como vice-presidente do  legislativo ao lado do então   Presidente Robério do Sindicato reiterando  seu apoio  relatando  que  em  uma  futura reunião todos os vereadores  estarão conhecendo e participando ativamente das futuras decisões em prol da segurança púbica em Mantena. 

“Quero deixar claro que o meu compromisso  é  com a segurança pública   do Município, desde o início  deste mandato  em sintonia com todos  os parlamentares  e estando Presidente  já firmamos mais um compromisso  com o COMSEP   a respeito do vídeo monitoramento,  em momento oportuno vamos ter uma reunião com todos os vereadores para apresentar esta segunda fase do Projeto para que  todos  possam participar no campo de ideias  visando  futuras ações de  apoio de todo o legislativo  ao COMSEP”, relatou